Furacão Dorian: Gol cancela voos de Brasília para Miami e Orlando, nos EUA

0
11

Clientes podem remarcar viagens ou pedir reembolso, diz companhia. Veja lista de trechos afetados. Ventos fortes foram provocados pelo furacão Dorian em Freeport, Grand Bahama, Bahamas, no domingo (1º)
Ramón Espinosa/AP
A Gol informou ter cancelado oito voos de Brasília para Miami e Orlando, nos Estados Unidos, por causa do furacão Dorian.
Os seguintes trechos da companhia aérea foram afetados neste domingo (1º) e nesta segunda-feira (2):
Voo 7602 – Brasília–Orlando
Voo 7748 – Brasília–Miami
Voo 7601 – Orlando–Brasília
Voo 7749 – Miami–Brasília
Também foram cancelados voos entre os aeroportos da Flórida e os de Campinas, Fortaleza e Recife. Segundo a companhia, “os clientes impactados por estes cancelamentos poderão remarcar suas viagens, sem a cobrança de taxas e de acordo com a disponibilidade”.
Os clientes também poderão solicitar reembolso ou crédito pelo site oficial, pelo aplicativo ou pelos telefones 0300-115-2121 e 0800-704-0465.
Furacão Dorian atinge em cheio as Bahamas, com rajadas de vento de mais de 300 km/h
Devastação
O furacão Dorian foi reclassificado, na manhã desta segunda-feira (2), como de categoria 4, segundo a última atualização do Centro Nacional de Furacões em Miami.
No domingo (1º), ao tocar o solo nas Bahamas, os ventos do furacão alcançaram uma velocidade de 295 km/h, que colocaram Dorian na categoria 5, a mais alta da escala utilizada pelos especialistas.
Furacão Dorian se desloca na direção da costa dos EUA
Juliane Souza /G1
O furacão deve permanecer nas Bahamas pelas próximas 12 ou 24 horas, segundo um especialista do centro, e depois seguir em direção aos Estados Unidos.
No domingo, o primeiro-ministro das Bahamas, Hubert Minnis, já tinha afirmado que o país enfrentava um furacão como nunca foi visto em sua história. “Provavelmente, é o dia mais triste da minha vida “, afirmou durante entrevista coletiva.
O risco de chuvas fortes, capazes de provocar inundações perigosas, deve aumentar até sexta-feira (6) em algumas partes da costa sudeste (Flórida e Geórgia) e do sul dos estados do Meio-Atlântico (como as Carolinas do Sul e Norte).
Leia mais notícias sobre o G1 DF.