O jogo baseado no desenho do Mario (e que nunca jogaremos)

0
5

O pessoal mais novo talvez nem saiba disso, mas no final da década de 80 a DIC Enterprises e a Saban Entertainment lançaram um desenho animado baseado nos jogos Super Mario Bros. e Super Mario Bros. 2. Com traços um tanto… peculiares, a animação chegou a ser transmitida pela Rede Globo em 1991 e embora eu nunca tenha gostado muito dela, reconheço que fez algum sucesso entre os fãs da franquia.

Mesmo assim, algo que nunca passou pela cabeça da maioria das pessoas era que aquele Super Mario Bros. Super Show! poderia servir como inspiração para um novo jogo e para provar que algo bem interessante poderia surgir dessa ideia, o animador Jesus Lopez decidiu aproveitar todo o seu talento.

Tendo trabalhado na criação de alguns jogos bastante elogiados, como DuckTales Remastered, Shantae: Half-Genie Hero e The Simpsons: Tapped Out, o sujeito convidou seus filhos para criar um jogo do Mario com o estilo visual daquele desenho e o resultado é simplesmente sensacional!

Como pode ser visto acima ou no vídeo publicado pelo usuário SwankyBox (os trechos do jogo estão a partir de dois minutos), a primeira fase foi baseada na região Pasta Land, onde as árvores são feitas de garfos e macarrão, e que Mario e sua turma visitam no primeiro episódio da animação. Vale citar que esta área nunca chegou a aparecer em um jogo do encanador.

No canal de Lopez temos cinco vídeos mostrando o processo de criação da sua adaptação (parte 1, parte 2, parte 3, parte 4 e parte 5), com toda a ilustração tendo sido feita a mão e ainda contando com trechos de diversos outros experimentos de animações para jogos que ele tem feito ao longo dos anos.

O grande problema é que além de até o momento o jogo se resumir ao primeiro estágio, o autor garante que não irá vender ou mesmo liberar gratuitamente a sua criação. Segundo ele, este é apenas um projeto pessoal que tem realizado para “se manter afiado como um animador na indústria de videogames” e que tem realizado com os filhos nos momentos livres.

Ainda assim, muito provavelmente será apenas uma questão de tempo até que a Nintendo acione os seus tão temidos advogados e o projeto de Jesus Lopez seja obrigado a desaparecer. Quando isso acontecer, só nos restará lamentar a maneira dura como a BigN trata as criações dos seus fãs, pois se tem um jogo não-oficial do Mario que eu adoraria poder jogar, sem dúvida alguma seria esse aí.

Fonte: Destructoid.

O post O jogo baseado no desenho do Mario (e que nunca jogaremos) apareceu primeiro em Meio Bit.